Weby shortcut 1a5a9004da81162f034eff2fc7a06c396dfddb022021fd13958735cc25a4882f
Conheça os cursos da Regional Jataí - UFG
Logo UFG
Facebook
Twitter
YouTube
Instagram

UFG aprova adesão integral ao Sisu

Por Renan Vinicius Aranha Atualizado em 26/11/14 16:03.

O sistema, que utiliza a nota do Enem, passará a ser adotado integralmente no ingresso do primeiro semestre de 2015

Em reunião na tarde desta sexta-feira, 16/05, o Conselho de Ensino, Pesquisa, Extensão e Cultura (Cepec) da Universidade Federal de Goiás (UFG) decidiu pela adesão integral da universidade ao Sistema de Seleção Unificada (Sisu) como forma de ingresso na graduação.O sistema, que utiliza a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), passará a ser adotado integralmente a partir da seleção para o primeiro semestre de 2015, substituindo o Vestibular.

O encontro dessa tarde reuniu 34 membros do Cepec com direito à voto. Desses, 31 votaram favoravelmente à proposta, um contrário e dois se abstiveram. Uma resolução específica irá definir o ingresso para os cursos de Educação Intercultural e Educação do Campo que hoje possuem processo específico de seleção. Também será definida a forma de seleção para cursos na modalidade a distância (EaD) e dos que possuem Verificação de Habilidade e Conhecimento Específico (VHCE), ou seja, que exigem prova prática. Outra definição, que será feita por meio de resolução própria, está relacionada às vagas do UFGInclui (o sistema cria uma vaga extra para quilombolas e uma para indígenas, caso haja demanda no curso). É previsto que dentro de um mês essa discussão seja resolvida. Esse prazo é necessário para que as coordenações desses cursos e os conselhos diretores das unidades sejam consultados.

Reunião do Cepec decide pela adesão integral ao Sisu como forma de ingresso

Reunião do Cepec decide pela adesão integral ao Sisu como forma de ingresso

HISTÓRICO

O reitor da UFG, Orlando Amaral, destacou que a decisão de adesão integral ao Sisu foi feita com muita cautela: “Discutimos essa questão desde 2011. Acredito que tomamos a decisão certa, com maturidade. Não tenho nenhuma dúvida quanto à qualidade do aluno que vamos selecionar”, disse.

Nesse período, a UFG também acompanhou as discussões em âmbito nacional. Os estudos da Associação Nacional dos Dirigentes das Ifes (Andifes) sobre o sistema foram fundamentais para a avaliação da adequação do Sisu. A UFG concluiu que há qualidade no Processo Seletivo e que a segurança tem aumentado a cada ano. Neste ano, o Enem utilizará detectores de metais nos locais de prova, para vistoriar os candidatos, e fará o controle de ingresso.

O pró-reitor de Graduação da UFG, Luiz Mello, destacou que a UFG priorizou em suas análises a experiência de outras instituições: “A adoção do Sisu é uma tendência e grandes universidades do País já adotaram o sistema integralmente como a UFMG, a UFPA, a UFPE e a UFRJ”.

Pró-reitor Luiz Mello fala sobre adesão integral ao Sisu

Pró-reitor de Graduação, Luiz Mello, fala sobre adesão integral ao Sisu

O presidente do Centro de Seleção, órgão responsável pela realização dos Processos Seletivos para ingresso aos cursos de graduação da UFG, Wagner Furtado, lembrou que a universidade já participava da elaboração de questões para o banco nacional de itens do Enem. “A segurança nessa elaboração é a mesma utilizada na preparação das questões para o Vestibular”, explicou.

VANTAGENS

Uma das vantagens do Enem é a gratuidade da inscrição para alunos de escola pública e o valor mais acessível para os demais estudantes (R$ 35 contra R$ 130 do Processo Seletivo). Além disso, o Enem é aplicado em 56 municípios do Estado de Goiás, frente às quatros cidades (Goiânia, Catalão, Cidade de Goiás e Jataí), que tinham provas aplicadas pelo Vestibular da UFG. “O Enem fez com que mais candidatos goianos tivessem possibilidades de acesso aos Processos Seletivos das universidades”, explicou Wagner Furtado.

O presidente do Centro de Seleção também lembrou que um estudo realizado pelo órgão não constatou entre os aprovados pelo Sisu um número maior de estudantes oriundos de outros Estados. De acordo com Wagner Furtado, o Sisu incentiva a mobilidade estudantil, e isso ocorre de forma geral nos cursos, mas o maior número de vagas ainda é preenchido por estudantes de Goiás. “Mesmo quando usamos somente o Processo Seletivo, há preenchimento de vagas por candidatos de outros Estados”, lembrou.

Maioria do Cepec vota favoravelmente à proposta de adesão integral ao Sisu

Maioria do Cepec vota favoravelmente à proposta de adesão integral ao Sisu

 

Publicada em 16/05/2014 17:50.

Listar Todas Voltar